Resumo

Um dos problemas constatados na literatura aquando do desenvolvimento de sistemas de computação evolutiva para optimizar (ou automatizar) o posicionamento de BS em mapas digitais tem ver com a usurpação de recursos de processamento que o cálculo dos modelos de propagação de ondas implica.

Pretende-se com este trabalho implementar e testar três modelos de propagação de onda distintos (à escolha do mestrando). Cada um dos modelos deverá ter uma implementação em PC, GPU e FPGA.

As versões GPU e FPGA deverão ser optimizadas recorrendo a técnicas de paralelização que estes dispositivos físicos suportam. O desenvolvimento em GPU assentará em OPEN-CL enquanto o desenvolvimento em FPGA assentará na arquitectura Micro-Blaze.

O objectivo final primário passa por analisar e documentar o desempenho de cada modelo nas suas 3 implementações.

O objectivo final secundário passa por implementar um adaptador/API para uma Framework de computação evolutiva da solução mais eficiente.

Fases/Objectivos do Projecto

  1. Pesquisa, estudo e selecção dos modelos de propagação de onda;
  2. Estudo da Metodologia/Framework/Tecnologia a adoptar;
  3. Testes de implementação iniciais (PC – linguagem à escolha do mestrando)
  4. Simulação e meta-optimização dos modelos;
  5. Implementação recorrendo a aceleração de hardware (GPU e FPGA);
  6. Optimização das implementações GPU e FPGA através de paralelismo.
  7. Testes de desempenho – Experimentação;
  8. Análise dos resultados obtidos;
  9. Documentação dos resultados no formato IEEE;
  10. Implementação de um adaptador para sistemas de computação evolutiva (da solução mais eficiente)
  11. Escrita do relatório final;

Requisitos fundamentais

  • Fundamentos de programação
  • Conhecimento geral dos modelos de propagação de onda

Orientador

Sílvio Priem Mendes (smendes@estg.ipleiria.pt)